NAUI 50 ANOS

Nos anos 30 a 40, período de guerra e depressão econômica, jovens americanos desempregados mergulhavam em apnéia na costa e lagos para caçar peixes, lagostas e outros frutos do mar, que para eles eram considerados produtos de luxo. Os equipamentos eram feitos em casa ou eram sobras de equipamentos militares. Basicamente era uma máscara ou um óculos de natação. Os mais sortudos tinham uma roupa e, algumas vezes, um par de nadadeiras. O treinamento formal não era necessário e o que existia era apenas técnicas rudimentares de mergulho livre.

Em 1948, na Califórnia, Rene Bussoz da loja de equipamentos esportivos "Rene´s Sporting Goods of Westwood" foi convencido por Jacques-Yves Cousteau a importar uma nova unidade de mergulho autônomo conhecida por Aqua-Lung que permitia aos mergulhadores ficar submerso por mais tempo. René importou inicialmente 10 unidades que foram prontamente vendidas. Em poucos anos, Aqua-Lungs podiam ser encontrados em todo país e uma surgiu uma nova geração de mergulhadores sem o preparo físico comum aos apneístas da época. O Aqua-Lung permitiu um aumento considerável no número de mergulhadores e a marca Rene´s Sporting Goods foi mudada para U.S. Divers.

O Aqua-Lung era vendido a qualquer um tivesse dinheiro para comprá-lo e tivesse uma instrução um pouco mais do que "não prenda a respiração". Os programas formais de treinamento eram de instituições militares ou científicas, como Scripps e Woods Hole, e alguns clubes de mergulho. Em 1951, Jim Auxier e Chuck Blakeslee começaram a produzir uma revista chamada "The Skin Diver" (depois "Skin Diver Magazine"). Eles convidaram uma pessoa, Neal Hess, para redigir uma coluna chamada "The Instructor Corner", que trataria sobre técnicas de mergulho. Hess desde cedo certificava mergulhadores em instrutores depois de uma revisão de procedimentos e divulgava os nomes dos instrutores na coluna. Este programa recebeu o nome de "National Diving Patrol".

Em paralelo, All Tillman, diretor de esportes do Condado de Los Angeles, teve a idéia de promover um programa de treinamento de mergulho livre e autônomo patrocinado pelo Condado. Em 1953, Tillman e Bev Morgan (este último um guarda-vida do Condado de Los Angeles) foram para a Instituição Scripps e estudaram sob orientação do Conrad Limbaugh, um mergulhador famoso na época. Quando eles retornaram, eles criaram a primeira agência pública do mundo em treinamento de mergulho e, um ano depois, promoveram o primeiro treinamento de instrutores civis, conhecido como UICC1 (Underwater Instructor Certification Course). O programa do Condado recebeu requisições de todo país e foi emitindo certificações provisórias de validade nacional.

Viu-se no final dos anos 50 um crescimento impressionante do campo do mergulho esportivo, ajudado também pelos livros de Cousteau e Hans Hass e a série televisiva "Sea Hunt", estrelada por Lloyd Bridges e Zale Parry. Outras agências públicas que seguiram o caminho do Condado de Los Angeles foram o Condado de Broward, a Cruz Vermelha da Flórida sob os cuidados de John C. Jones, e o Programa Nacional da YMCA.

Em 1959, Blakeslee e Auxier sentaram com Hess e desenvolveram a idéia de organizar o maior curso de certificação de instrutor para o ano seguinte. No tempo e no lugar certo, durante o encontro da "Underwater Society of America", que ocorreu em agosto em Houston - Texas. Hess contatou Tillman, então Diretor do Programa Subaquático do Condado de Los Angeles, para formular e dirigir o curso. Jones do Condado de Broward foi contactado para dar assistência ao projeto. A "National Diving Patrol" foi renomeada como "National Association of Underwater Instructors (NAUI)" e foi incorporada como uma organização educacional sem fins lucrativos. Tillman tornou-se o primeiro presidente e Hess, o Secretário Executivo.

O curso foi realizado no Shamrock Hotel - Houston com 72 candidatos e 8 instrutores dos EUA e Canadá, durante 6 dias. Pelo alto nível de exigência, apenas 53 candidatos se graduaram, mas foi o primeiro curso internacional certificatório de instrutor na história e marcou toda uma nova era do mergulho esportivo moderno. Estes novos instrutores saíram orgulhosos e usavam os emblemas numerados de instrutor como medalhas de honra em suas respectivas cidades.

Após o Curso em Houston um Quadro de Diretores foi eleito: Al Tillman (NAUI # 1), John C. Jones Jr. (NAUI # 2), Neal Hess (NAUI # 3), Garry Howland (NAUI # 13), Jim Auxier e John Cahill. Também foi criado um Quadro de Conselheiros e consistiu de Capitão Albert Behnke Jr., Comandante George Bond, Capitão Jacques-Yves Cousteau e Dr. Andy Rechnitzer.

Depois de anos a NAUI sofreu diversas mudanças, incluindo a perda de Hess, mas continuou crescendo com grandes cursos centralizados por toda América do Norte. Toda a organização era baseada em voluntários e Tillman saiu com Jones, Howland e diversos líderes regionais da NAUI para tocar os cursos. Tillman supervisionava toda a administração. Auxier e Blakeslee da revista "Skin Diver Magazine" davam suporte financeiro e promocional, um salário para Tillman e até conseguiram um escritório para a NAUI. A página NAUI se tornou regular na Skin Diver Magazine e a NAUI continuou a crescendo.

Em 1967, Tillman deixou o Quadro de Diretores da NAUI e passou a trabalhar em tempo integral em seu resort em Bahamas, a UNEXSO, e foi eleito para uma nova posição na NAUI, Gerenciador de Resorts NAUI. Um ano depois Jones seguiu um novo rumo e uma nova geração de mergulhadores tomou conta da NAUI. Período que coincidiu com a mudança de donos da revista Skin Diver Magazine e a sede da NAUI foi transferida para a casa de Art Ullrich, o novo Diretor Executivo. Também foi realizado o primeiro "International Conference of Underwater Educators (ICUE).

A NAUI continuou crescendo na década de 1970 e surgiram mudanças no treinamento para permitir uma expansão internacional. Em 1970 foi realizado um Curso de Certificação de Instrutor no Japão e a NAUI Canadá foi formada em 1972, como uma organização separada. No final dos anos 70 a NAUI já havia formado mais de 5000 instrutores.

Em 1981 a sede da NAUI foi para Montclair - Califórnia e tornou-se computadorizada em 1982. Nancy Guarascio tornou-se a primeira presidente mulher em 1987 e em 1989 a NAUI já havia formado mais de 12000 instrutores.

Os anos 90 trouxeram desafios e a NAUI optou em superar estes desafios desenvolvendo os melhores programas de treinamento de mergulho do mundo. Em 1996 a NAUI sofreu uma reestruturação para se tornar NAUI Worldwide (mundial). Esta reestruturação foi seguida por um crescimento sem precedentes na história da NAUI, isto porque os mergulhadores do mundo perceberam que o ideal da NAUI "Mergulho com Segurança Através da Educação" era verdadeiro na medida que carteirinhas plásticas de mergulhador se tornaram comum.

Em 1997 a NAUI se mudou para Tampa -Flórida e um novo Quadro de Diretores incluiu representantes NAUI pelo mundo. De todas as agências do mundo, a NAUI foi e continua sendo a de maior prestígio em instrução do mergulho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Jornada Sub Mergulho
Av. Pedro Blanco da Silva, 665 - Jundiaí - SP
Fone: (11) 4586-5051 
jornadasub@jornadasub.com.br

Fotos meramente ilustrativas

Direitos Reservados 2010 - 4Link E-Commerce